Notícias

Valorização de espaços públicos é premiada pela FNA Data: 03/12/2017 Fonte: Imprensa FNA

Foto: Jézica Bruno

O trabalho destacado de arquitetos e urbanistas na melhoria e socialização dos espaços públicos foi valorizado pela Federação Nacional dos Arquitetos e Urbanistas (FNA) com a entrega do Prêmio Arquiteto e Urbanista do Ano 2017. Com auditório lotado na noite deste sábado (2/12), em Belo Horizonte (MG), os arquitetos e urbanistas Maria Edwirges Sobreira Leal e Eduardo Beggiato, do escritório B&L Arquitetura, receberam troféu na categoria Setor Privado. A arquiteta e urbanista Marieta Cardoso Maciel foi homenageada no Setor Público. A cerimônia da premiação, que está em sua 12ª edição, ocorreu durante o 41º Encontro Nacional de Sindicatos de Arquitetos e Urbanistas (ENSA), evento que segue até este domingo (3/12) na capital mineira.

Em sua manifestação, o presidente da FNA, Cicero Alvarez, reforçou a importância dos trabalhos premiados porque reproduzem ações para oferecer melhores condições às pessoas. “Senti orgulho dos premiados, que dão contribuição para um mundo melhor, para que as pessoas possam conviver, dialogar e crescer”, disse, lembrando da importância de resgatar as relações de cidadania. “É importante que espaços de convivência que visam o ser humano e o espaço de encontro sejam reconhecidos e valorizados”.

Maria Edwiges e Beggiato receberam a láurea como reconhecimento ao projeto do Sistema BRT, localizado nas avenidas Paraná e Santos Dumont, em Belo Horizonte, que buscou solucionar do ponto de vista arquitetônico e urbanístico a implantação de seis estações de embarque, incluindo a requalificação dos espaços públicos e melhoria da acessibilidade de pedestres e ciclistas. O outro projeto reconhecido foi o de revitalização e reforma da Praça da Estação, no centro da capital mineira. Emocionada, Maria Edwiges pontuou que o trabalho dos profissionais, juntos há quatro décadas, tem uma intenção humanista. “O maior reconhecimento é ver os movimentos resignificando os espaços. É por eles que queremos ser lembrados”, disse. Beggiato pontuou que a premiação é resultado de um trabalho de equipe. “Esse prêmio estimula a continuar a caminhada”.

Homenageada no Setor Público, a arquiteta e urbanista Marieta Cardoso Maciel agradeceu a oportunidade que teve durante a carreira junto à Prefeitura de Belo Horizonte, onde teve a oportunidade de trabalhar com espaços públicos. “Trabalhei com praças e parques e com o tempo fui conhecendo e estudando. Agradeço também por ter tido sorte e trabalhado na Prefeitura”.

O presidente do Sindicato dos Arquitetos de Minas Gerais (Sinarq-MG), Eduardo Fajardo, deu as boas vindas aos profissionais e autoridades presentes e parabenizou os agraciados. A presidente do IAB/MG, Rosilene Guedes Souza, agradeceu a FNA pelo mérito concedido a dois projetos que consistem em praças que têm um caminho político essencial, porque são locais de interação sociais. O vice-presidente do CAU/MG, Júlio de Marco, reforçou o papel da FNA em homenagear os colegas que atuam com “generosidade com a cidade”. “O espaço não é importante. Importante é o que acontece nele. A maior qualidade de um espaço é o que ele propicia que aconteça”.

Afiliados